segunda-feira, janeiro 16

Dos desesperos da vida.

É complicado demais sabermos aceitar as consequências dos nossos atos né, e isso acontece até quando não existe nenhum tipo de pessoa para você colocar a culpa, como por exemplo o peso! Ninguém no mundo abre sua boca e te força a comer, mas somos especialistas eu arrumar desculpas pra ele.
Antes das festas eu estava com 129,00 , engordei, fui pra 135,00 e hoje case caio pra trás porque subi pra 137,00 e me fala porque? Simplesmente porque a gente vai pelo caminho da sacanagem e permanece nele, inventando desculpas... Ah, Natal, ano novo, aniversário do filho, hoje não é dia de começar dieta, segunda, segunda... segunda. Mas essa segunda não chega né. Fico muito apreensiva porque achar o foco é muito difícil, e perder, é rápido demais. Hoje eu acordei com a certeza de que eu tenho que voltar ao foco, porque não posso entregar assim de mão beijada todo o esforço que eu fiz, para com isso agora sua molenga! Tou no foco, tou forte... Preciso voltar a postar todo dia, isso aqui me da ânimo, mas o tempo tá osso.

Surpreendente também são as coisas que acontecem com a gente em um modo geral, e as coisas que acabamos aceitando por conta da nossa baixa estima, ou simplesmente não conseguirmos ver que poderíamos sair de determinadas situações, só estamos presos por amarras imaginárias.
Vejo algumas coisas a minha volta com as quais não posso concordar e tão pouco posso me meter. Só cabe a mim compreende e não julgar.

Por hoje é isso...rs

Nenhum comentário: